Serra pede ajuda ao STF para ter foro privilegiado em investigações sobre caixa 2

O senador José Serra (PSDB-SP) solicitou nesta quinta-feira (23), ao Supremo Tribunal Federal (STF), o direito ao “foro privilegiado” na ação que o implica por suposto caixa 2 na campanha ao Senado em 2014.  O parlamentar quer que o caso fique nas mãos dos ministros da Corte.

Porém, isso só seria possível na hipótese de o crime ter relação direta com o mandato atual de Serra. No pedido, a defesa do senador argumenta que o inquérito contra ele investiga fatos que vão além da campanha de 2014. E dizem respeito ao mandato no Senado. Portanto, deve ser suspenso e enviado à Corte.

“É inadmissível que uma investigação contra um senador da República, por fatos alegadamente praticados no mandato em curso e a ele relacionados, seja subtraída do controle desse Supremo Tribunal Federal”, sustentam os advogados de Serra na ação enviada aos ministros.

Assim sendo, o relator da ação no STF será o ministro Gilmar Mendes. Em 2002, ele foi escolhido pelo ex-presidente FHC para ocupar uma cadeira no Supremo.

Serra é alvo da Operação Paralelo 23. Ele teria recebido R$ 5 milhões do empresário José Seripieri Júnior, preso pela Polícia Federal.

Compartilhe:

2 thoughts on “Serra pede ajuda ao STF para ter foro privilegiado em investigações sobre caixa 2

  • Avatar
    17 de janeiro, 2021 em 0:09
    Permalink

    23964 709060Spot lets start on this write-up, I seriously believe this amazing website requirements significantly a lot more consideration. Ill a lot more likely once once more to read a terrific deal much more, a lot of thanks that information. 215062

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.