“O que explica o avanço de Bolsonaro no Nordeste?”

A região Nordeste do Brasil, uma região composta por nove estados, apesar de um propaganda hipócrita dos governos petistas, de que estaria “ajudando” ao Nordeste (a história recente mostra o contrário), é uma região com múltiplos problemas: A indústria da seca, o analfabetismo, real e funcional, os baixos índices de avaliação da educação; a indústria do voto, em épocas de eleições, a corrupção escancarada da maior parte dos políticos, etc, etc.

Para se ter uma ideia de tamanhos problemas, a questão da seca na região do semiárido nordestino não se resume apenas à falta de água, mas sim à ausência de interesse político.

Bolsonaro inaugura trecho da obra de transposição do rio São Francisco,  assim como Lula, Dilma e Temer - 26/06/2020 - Poder - Folha
“”O governo entregou a transposição do São Francisco e vai entregar a transnordestina. Além do auxílio emergencial, que salvou muitas famílias, o governo ainda vai lançar o programa Renda Brasil””

As acusações giram em torno de outra questão que se junta à indústria das secas: a indústria dos votos, uma vez que muitos políticos, em tese, beneficiam-se das condições de miséria de parte da população para lhe conceder bens materiais de breve duração – como cestas básicas – abastecimento de água através de carro pipas- a precariedade dos serviços de saúde é o que tem levado a troca de apoio eleitoral. LAMENTÁVEL!

Mesmo com essa problemática, a região nordestina apresenta inúmeras belezas relacionadas aos seus recursos naturais e humanos. Não por acaso, essa região é um dos principais vetores turísticos do país, tanto pelas suas praias e suas paisagens quanto pelo seu patrimônio cultural, marcado pela riqueza de cidades históricas.

Visitando RN: descubra o que fazer em Natal
PRAIA DE PONTA NEGRA- NATAL- RN

Economicamente falando, o Nordeste vem passando por uma linha de industrialização e ampliação de desenvolvimento. Por esse motivo, as taxas de emigração vêm diminuindo, muito em função do processo de demestropolização no Brasil e da diminuição da concentração populacional atualmente em curso na região Sudeste do país.

Além disso, o Nordeste ainda conta com inúmeras paisagens naturais de rara beleza, como Fernando de Noronha, os Lençóis Maranhenses, vários pontos de cultura de Salvador, Jericoacoara, entre outros, o que revela a potencialidade econômica do turismo para a dinamização das perspectivas locais.

Bolsonaro cumpre agenda no RN na sexta-feira - Portal do RN
Montado no cavalo, Bolsonaro tirou o chapéu e agradeceu a presença das pessoas. Em seguida, tocou na mão de apoiadores. Ele pegou, ainda, um microfone que foi estendido a ele e falou com a multidão no Piauí

Se existe um governo, federal, que veio acabar com as mazelas do Nordeste, mazelas estas que atravessaram séculos por conveniência dos “políticos”, esquerdistas especialmente, foi e tem sido o atual governo do Presidente Jair Bolsonaro. A transposição das águas do Rio São Francisco, que parecia um sonho utópico, finalmente trouxe as águas para o Nordeste. Saliente-se que, desde o início do seu governo, o Presidente Bolsonaro pensou no Nordeste, mesmo antes de assumir o poder (que não contou com os votos expressivos dos nordestinos, diga-se de passagem). Desde o início, o Presidente logo empreendeu uma viagem à Israel, um país seco, porém abundantemente próspero, posto que tem tecnologia para trazer água para os desertos.

O que seria dos nordestinos, nessa pandemia, que ficaram obrigados a não trabalhar, ficar em casa, por ordem de governadores e prefeitos corruptos, se o governo federal não tivesse concedido o Auxílio emergencial, o socorro às empresas?

Compartilhe:

19 thoughts on ““O que explica o avanço de Bolsonaro no Nordeste?”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.