Ministro de Bolsonaro volta a criticar Via Bahia: “Executaram só 30% das obras e não fizeram nenhum serviço de duplicação.”

Em visita à Bahia, no trecho das obras de duplicação BR-116 e BR-101, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, voltou a criticar a concessionária Via Bahia, responsável pela manutenção de alguns trechos de rodovia federal no estado. Segundo o ministro, a empresa só executou 30% das obras e não fizeram nenhum serviço de duplicação.

“É um contrato que arrecadou 90% dos recursos previstos no plano de negócio e, no entanto, eles executaram só 30% das obras que ingressaram posteriormente na faixa marginal e não fizeram nenhuma duplicação condicionada. Deixaram de executar 441 quilômetros de duplicação, deixaram de realizar mais de 750 milhões de reais de investimentos”, afirmou o ministro.

“A insatisfação não é só dos condutores, mas nossa também. Isso nos sensibiliza muito. É inadmissível ter um contrato de concessão onde o usuário paga tarifa e tem esse tipo de prestação de serviço”, concluiu Tarcísio, que cogitou a possibilidade de romper o contrato com a concessionária.

Compartilhe:

One thought on “Ministro de Bolsonaro volta a criticar Via Bahia: “Executaram só 30% das obras e não fizeram nenhum serviço de duplicação.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.