Brasil, EUA e Japão se unem contra a China na OMC ( Organização Mundial do Comércio)

Política externa de Bolsonaro deve mirar EUA e Israel - Seu Dinheiro

Para assegurar as condições de livre mercado, o Brasil, os Estados Unidos e o Japão firmaram uma parceria de modo a combater a atuação do governo chinês no cenário global. Entre as práticas apontadas pelos três países, está a de financiamento fornecido pelo Estado sob as ordens do Partido Comunista. O trio pede que os 161 países da Organização Mundial de Comércio (OMC) apoiem a medida.

Recentemente, o Brasil e os EUA propuseram que todos os países-membros da OMC sejam submetidos aos princípios da economia de mercado. O Japão endossou a proposta posteriormente. “Essa não é uma questão de debater diferentes modelos econômicos, mas reflete um entendimento compartilhado de fair play”, acrescentam Brasil, EUA e Japão. 

Os chineses reagiram à pressão na OMC e no G20, rejeitando o debate e afirmando que a discussão não deveria ser feita no órgão que trata do comércio global.

revista oeste

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.