MAIOR LOCKDOWN DO MUNDO E MAIOR NÚMERO DE MORTES POR HABITANTES…. Argentina troca ministro da saúde no momento mais crítico da Pandemia de Covid19

O escândalo sobre as vacinas ‘VIP’ contra covid-19 já fez sua primeira vítima na Argentina: o presidente Alberto Fernández pediu a renúncia do ministro da Saúde, Ginés González García, depois que ele vacinou o jornalista Horacio Verbitsky por suas ” boas relações “com o Governo.

A mídia argentina garante que Fernández está “furioso” com o ministro depois que o escândalo foi revelado. 

Fernández convocou o chefe de seu Gabinete, Santiago Cafiero, e pediu-lhe que enviasse uma comunicação oficial ao ministro pedindo que ele renuncie. O cirurgião deve apresentar seu pedido de demissão nas próximas horas.

Carla Vizzotti, atual secretária de Acesso à Saúde, é a principal candidata a ocupar o cargo que ficará vago.

Escândalo na Argentina

Tudo começou na manhã desta sexta-feira (19), quando em entrevista a uma rádio, Horacio Verbitsky disse que foi vacinado com a Sputnik V após uma visita ao Ministério da Saúde.

“Bem, ontem me vacinei (…) decidi me vacinar. Comecei a descobrir onde fazer, liguei para o meu velho amigo Ginés González García, que conheci muito antes de ele ser ministro, e ele disse-me que tinha de ir ao Hospital Posadas” detalhou Verbitsky.

Fonte: NTN24H

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.