STF julga ações que querem barrar Copa América no Brasil; três ministros já votaram

Cármen Lúcia, que é relatora de duas ações, se posicionou favorável à realização do evento esportivo

Os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) julgam nesta quinta-feira, 10, três ações que querem barrar a realização da Copa América no Brasil. O julgamento sobre o tema, que acontece em plenário virtual e vai até às 23h59 de hoje, já conta com voto de três ministros da Corte. Até o momento, Cármen Lúcia, que é relatora de duas ações, se posicionou favorável à realização do evento esportivo, que começa neste domingo, 13, em Brasília.

Da mesma forma, o ministro Marco Aurélio seguiu o voto da relatora nos dois processos, também se posicionando pela manutenção da competição.

Embora também seja favorável à competição, o ministro Ricardo Lewandowski, relator da ação apresentada pelo Partido dos Trabalhados (PT), defendeu que o governo federal apresente, no prazo de 24 horas, um planejamento “compreensivo e circunstanciado” para garantir a segurança do torneio e que os quatro Estados sede do evento também “divulguem e apresentem ao Supremo Tribunal Federal, em igual prazo, plano semelhante”.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.