Sem coveiro, pai cava sepultura do filho em cemitério de Medicilândia, no Pará (assista o vídeo)

Sem coveiro, pai cava a sepultura do próprio filho em cemitério de  Medicilândia, no Pará

Com a ajuda de amigos, um pai, morador da comunidade União da Floresta, no km 120, em Medicilândia, precisou cavar a cova para enterrar o filho, pois, segundo eles, a cidade não dispõe de coveiros para realizar o serviço. O cemitério está quase sem vagas e não possui funcionários.

A sepultura foi aberta no fundo do cemitério municipal após a família esperar por uma resposta da prefeitura, sem retorno. O corpo é do jovem Fredson Alves Rodrigues, de 26 anos, morto a tiros em Altamira no último domingo. O jovem é natural de Medicilândia, e após conseguir a liberação do corpo, os familiares fizeram o translado até à comunidade União da Floresta.

Após registrar o grupo abrindo a cova, o responsável pelo vídeo publicou as imagens na rede social, denunciando o caso. A vítima foi sepultada na manhã da última segunda, 8, às 10h30.

Assista o vídeo

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.