EUA apontam Alemanha e Dinamarca como destinos de ‘alto risco’ de covid

Enquanto o governo do Brasil ainda não anunciou qualquer medida de restrição à entrada de pessoas egressas de países que enfrentam a quarta onda da pandemia, nos Estados Unidos os Centros de Controle e Prevenção de Doenças classificaram a Alemanha e a Dinamarca como destinos de viagens de “alto risco” devido à nova onda de covid-19 na Europa. Os EUA também enfrentam a retomada da pandemia com força.

Os mercados de Natal alemães, conhecidos pela iluminação e bancas que atraem multidões, forma cancelados por causa da quarta onda. Munique não vai ter o tradicional mercado de dezembro.

A Dinamarca avalia novas restrições para conter a transmissão do vírus. Em Copenhague, os famosos Jardins de Tivoli abriram a temporada de Natal na sexta-feira (19), mas as autoridades dinamarquesas avaliam novas restrições devido às altas taxas de incidência da covid-19.

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.