Bolsonaro Detona Corte De Gás Da Bolívia “Negócio Orquestrado”

Nesta terça-feira, dia 24 de maio a Petrobras confirmou que a estatal boliviana YPFB reduziu o fornecimento de gás em 30% ao Brasil em maio. Logo após a péssima notícia o Presidente da república Jair Bolsonaro comentou a situação e classificou como “negócio orquestrado”.

Bolsonaro comentou sobre a redução do fornecimento do gás natural pela estatal boliviana YPFB á Petrobras. “A Bolívia cortou 30% do nosso gás para entregar para a Argentina. Como agiu a Petrobras nessa questão também? O gás, se tiver que comprar de outro local, é cinco vezes mais caro. Quem vai pagar a conta? E quem vai ser o responsável?” Disparou o Chefe do Executivo.

Compartilhe:

Deixe um comentário