Globo sofre nova derrota em processo milionário movido por ex-âncora

Condenada na Justiça a indenizar a ex-âncora do Globo Esporte, de Minas Gerais, Carina Pereira, em R$ 1 milhão, a Globo entrou com recurso pedindo segredo de Justiça do processo, mas perdeu.

O juiz Henrique Alves Vilela negou a apelação da emissora carioca, argumentando que a justificativa não atende nenhuma das hipóteses previstas no artigo 189 do Código de Processo Civil.

De acordo com o Na Telinha, do UOL, Carina Pereira processou a Globo por sexismo e reclamou valores devidos de acúmulo de funções, horas extras, adicional noturno, feriados, abono e participação nos lucros.

 Metrópoles

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.