Corpo de piloto de avião que caiu no interior de São Paulo é encontrado

Equipes de busca encontraram o corpo de Ângelo Chaves Pucci, de 44 anos, piloto goiano do avião de pequeno porte que caiu na Serra do Japi, em Jundiaí, interior de São Paulo. A informação foi confirmada pela HKTC do Brasil, empresa de comércio exterior dona da aeronave.

O corpo de Pucci, único tripulante a bordo, foi localizado perto dos destroços da aeronave.

Em nota, a Secretaria de Segurança Pública de SP informou que a perícia foi acionada e vai ajudar a Polícia Civil nos trabalhos no local. O corpo será encaminhando ao Instituto Médico Legal (IML).

Profissionais da Defesa Civil, do Comando de Aviação da Polícia Militar, da Força Aérea Brasileira (FAB), do Corpo de Bombeiro e da Guarda Civil Municipal de Jundiaí e Várzea Paulista atuaram nas buscas.

O avião, de matrícula PT-WLP, desapareceu na quinta-feira (28) após decolar de Jundiaí com destino ao Aeroporto do Campo de Marte, na capital paulista.

Sem condições de pouso, o piloto teria tentado retornar a Jundiaí e perdeu contato com a torre de controle por volta das 23h30 daquele dia. Destroços foram encontrados na noite dessa sexta (29).

A FAB informou que investigadores do Quarto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa IV), órgão regional do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), foram acionados para coletar dados, verificar danos ao avião e levantar informações necessárias para a apuração do caso.

A situação da aeronave, fabricada em 1995 pela Piper Aircraft, era normal, segundo informação que consta no Registro Aeronáutico Brasileiro (RAB), da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

O bimotor é de propriedade da HKTC do Brasil, empresa chinesa especializada em comércio exterior com sede em Hong Kong. Em nota, a multinacional confirmou que o piloto estava sozinho na aeronave.

No comunicado, a companhia disse que o profissional fazia traslado da aeronave e era “experiente, pelo qual temos profundo respeito e gratidão”.

*Texto atualizado às 15h01

 

Últimas Notícias