Político do RJ surgiu de surpresa na operação que prendeu Brazão

O ex-deputado Alessandro Calazans, que teve x mandatos na Assembleia do Rio de Janeiro e foi prefeito de Nilópolis, cidade na Baixada Fluminense, apareceu de surpresa na operação que prendeu Domingos Brazão no último domingo (25/3). A aparição causou estranheza aos promotores e policiais que participavam da operação.

Calazans, segundo relatos à coluna, permaneceu boa parte da busca e apreensão e não disse por que estava no local. No momento que o político apareceu, Domingos Brazão já estava preso.

Procurada, a assessoria de imprensa de Brazão disse que Calazans, que é advogado, não defende o conselheiro do TCE.

O político é um velho aliado da família Brazão. Calazans e Domingos, inclusive, já foram investigados juntos, em 2004, por fazerem parte da chamada “máfia dos combustíveis”. A denúncia chegou à Polícia Civil e ao Ministério Público, na época, pela deputada Cidinha Campos.

 

Últimas Notícias