O Sinal está dado: As manifestações de 1º de agosto pelo Voto Impresso Auditável e Contagem Pública foi o maior sinal destes novos tempos ou, se preferir, desta Nova Era

As manifestações de 1º de agosto pelo Voto Impresso Auditável e Contagem Pública foi o maior sinal destes novos tempos ou, se preferir, desta Nova Era. Parafraseio uma das mais emblemáticas frases de Jesus e digo aos nossos representantes na vida pública:

Foi um divisor de águas. O Brasil não será nunca mais o mesmo. Chegando ao Porto Seguro, ontem, após 521 anos, “queimamos” as caravelas. Não há mais volta.

Nós, Povo brasileiro, amadurecemos, subitamente, em apenas dois anos e meio. Acomodados em berço esplêndido – não apenas nos últimos 35 anos, mas talvez, desde a Proclamação da República – acordamos após o pesadelo de imaginar a linda pátria se transformar em escombros.

Pesadelo fundamentado pela visão real de nossos hermanos venezuelanos e argentinos

Acordamos e compreendemos que a vida pregressa e sem esperança – com a opção apenas de votar no menos pior, dentre as opções ideológicas de esquerda – havia terminado. Não há mais possibilidade de apenas “cumprir tabela” (como se diz, no futebol). 

Caiu o pano daquele que parecia ser um eterno Teatro das Tesouras marxista-leninista.

Íamos apenas “votar” e virar as costas. “Não tem jeito”, dizíamos. Para quê fiscalizar a votação se não temos nomes que nos representem? “Quem será por nós?”, pensávamos. Mas eis que o Capitão veio surgindo como um messias.

agora notícias

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.