POLÍTICA DA BAHIA PIPOCANDO: Com Otto Alencar candidato ao governo, grupo do petista, Rui Costa pode ter primeira baixa; saiba qual

Se de fato o candidato ao governo da Bahia for o senador Otto Alencar (PSD) pela base governista, o grupo que hoje comanda o estado terá uma baixa como primeira consequência. Trata-se do PV, partido que deve federar com o PT, PSB e o PCdoB, e que teria obrigação de apoiar a candidatura de um candidato que fosse de uma dessas siglas.

Contatado pelo BNews na manhã desta sexta-feira (4), o presidente estadual do partido, Ivanilson Gomes, afirmou que se Otto for candidato ao Palácio de Ondina, “o jogo muda completamente” e admitiu que o partido “já tinha uma discussão com o candidato do União Brasil ao governo, ACM Neto” em andamento. “Não fechamos ainda nada. Estamos elaborando nosso programa, sobretudo na área ambiental. Vamos sentar na mesa e discutir com ACM Neto – se o partido não quiser trilhar outro caminho. Estamos aguardando esse desfecho [de Otto] para a gente sentar na mesa e começar a fazer essas discussões”, afirmou o dirigente partidário.

Hoje o PV integra a base do prefeito de Salvador, Bruno Reis (União Brasil), e tem uma tendência a continuar no grupo, se de fato for concretizada a candidatura do presidente estadual do PSD. No entanto, um entedimento precisa ser feito com a direção nacional da legenda verde.

Ao ser questioando sobre o que acha da desistência do senador Jaques Wagner (PT) à corrida eleitoral em outubro, Gomes disse que não como avaliar, “pois não estava no convivio com o PT”.

BNews 

Compartilhe:

Deixe um comentário