Desemprego no Governo Bolsonaro cai pelo terceiro trimestre consecutivo

taxa de desemprego do país no 3º trimestre de 2019 foi de 11,8%, com redução de 0,2 ponto percentual (p.p.) frente ao 2° trimestre de 2019 (12,0%) e estabilidade em relação ao mesmo trimestre de 2018 (11,9%). Considerando-se as variações estaticamente significativas em relação ao trimestre anterior, a taxa recuou em São Paulo (-0,8 p. p.) e aumentou em Rondônia (1,5 p. p.), permanecendo estável nas demais 25 unidades da federação. Já em relação ao mesmo trimestre de 2018, a taxa subiu em Goiás (1,9 p. p.) e Mato Grosso (1,3 p. p.). Houve quedas em três UFs: São Paulo (-1,1 p. p.) Alagoas (-1,7 p. p.) e Sergipe (-2,8 p. p.), com estabilidade nas demais 22 unidades da federação.

As maiores taxas foram observadas na Bahia (16,8%), Amapá (16,7%), e Pernambuco (15,8%) e as menores em Santa Catarina (5,8%), Mato Grosso do Sul (7,5%) e Mato Grosso (8,0%).

No 3º trimestre de 2019, a taxa composta de subutilização da força de trabalho (percentual de pessoas desocupadas, subocupadas por insuficiência de horas trabalhadas e na força de trabalho potencial em relação a força de trabalho ampliada) foi de 24,0%. Maranhão (41,6%) e Piauí (41,1%) apresentam estimativas acima de 40%. Por outro lado, os estados onde foram observadas as menores taxas foram: Santa Catarina (10,6%), Mato Grosso (14,7%), Rio Grande do Sul (16,3%) e Mato Grosso do Sul (16,3%).

número de desalentados no 3º trimestre de 2019 foi de 4,7 milhões de pessoas de 14 anos ou mais. Os maiores contingentes estavam na Bahia (781 mil) e no Maranhão (592 mil) e os menores em Roraima (17 mil) e Amapá (19 mil).

O percentual de pessoas desalentadas (em relação à população na força de trabalho ou desalentada) no 3º trimestre de 2019 foi de 4,2%. Os maiores percentuais estavam no Maranhão (18,3%) e Alagoas (16,5%) e os menores em Santa Catarina (1,1%), Rio Grande do Sul (1,3%) e Distrito Federal (1,3%).

O percentual de empregados com carteira de trabalho assinada no setor privado do país era de 73,6%. O maior percentual estava em Santa Catarina (87,7%) e o menor, no Maranhão (49,9%).

Já a proporção de empregados sem carteira de trabalho assinada no setor privado foi de 26,4%. As UFs com os maiores percentuais foram Maranhão (50,1%), Pará (49,9%) e Piauí (49,9%) e as menores taxas estavam no Rio Grande do Sul (18,1%) e Santa Catarina (12,3%).

O percentual da população ocupada do país trabalhando por conta própria era de 26,0%. Os maiores percentuais foram registrados no Amapá (36,7%), Pará (35,7%) e Amazonas (33,3%). Já os menores foram no Distrito Federal (20,7%), Mato Grosso do Sul (21,2%) e Santa Catarina (21,7%).

Em relação ao tempo de procura, no Brasil, 46,9% dos desocupados estavam de um mês a menos de um ano em busca de trabalho e 25,2% há dois anos ou mais. No Brasil, 1,8 milhão de desocupados buscavam trabalho há menos de um mês, enquanto 3,2 milhões procuravam uma ocupação há 2 anos ou mais O material de apoio desta divulgação está à direita.

Compartilhe:

10 thoughts on “Desemprego no Governo Bolsonaro cai pelo terceiro trimestre consecutivo

  • Pingback: 3larceny

  • 9 de agosto, 2022 em 23:31
    Permalink

    Hiya! Quick question that’s completely off topic. Do
    you know how to make your site mobile friendly? My website looks weird when viewing from my iphone 4.
    I’m trying to find a template or plugin that might be able to fix this
    problem. If you have any recommendations, please share. Cheers!

    Resposta
  • 11 de agosto, 2022 em 22:26
    Permalink

    I believe what you posted made a lot of sense. But, what about this?
    suppose you composed a catchier title? I am not saying your
    information is not good, but suppose you added a post title to possibly get a person’s
    attention? I mean Desemprego no Governo Bolsonaro cai pelo terceiro trimestre consecutivo – A Trombeta is
    kinda boring. You might glance at Yahoo’s front page and see
    how they write post headlines to grab people to open the links.

    You might add a related video or a related picture or two to get readers interested about everything’ve
    got to say. In my opinion, it might make your posts a little livelier.

    Visit my web blog … raycon

    Resposta
  • 12 de agosto, 2022 em 17:31
    Permalink

    Wow, superb blog layout! How long have you been blogging for?
    you made blogging look easy. The overall look of your web site is magnificent, let alone the
    content!

    Resposta
  • 13 de agosto, 2022 em 14:28
    Permalink

    Thanks , I have recently been searching for information about this subject for a long time and yours is the best
    I’ve discovered so far. However, what in regards
    to the bottom line? Are you certain about the source?

    Resposta
  • 14 de agosto, 2022 em 19:33
    Permalink

    Hello I am so grateful I found your weblog, I really found
    you by mistake, while I was looking on Bing for something else, Anyways I am here now and would just like
    to say thanks for a fantastic post and a all round exciting blog (I also love the theme/design), I don’t
    have time to go through it all at the moment but I have
    bookmarked it and also added your RSS feeds, so when I have time I will
    be back to read more, Please do keep up the excellent b.

    Resposta
  • 17 de agosto, 2022 em 2:01
    Permalink

    Have you ever considered writing an ebook or guest authoring on other sites?

    I have a blog centered on the same subjects you discuss
    and would love to have you share some stories/information. I know my readers would value your work.
    If you’re even remotely interested, feel free to send me an e mail.

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.