Depois de escândalo, Facebook tenta acalmar funcionários

O presidente executivo do Facebook, Mark Zuckerberg, foi questionado por funcionários sobre o depoimento de Frances Haugen, ex-gerente de produtos da big tech, que, na semana passada, denunciou a empresa no Congresso sobre os danos causados pela rede social.

Sem mencionar Frances, Zuckerberg passou cerca de 20 minutos falando sobre quem fez a denúncia, o depoimento dessa pessoa e da recente cobertura da imprensa. Zuckerberg disse ainda que algumas das declarações da testemunha, acerca de como a plataforma polariza as pessoas, eram “muito fáceis de desmascarar”. As informações são do jornal News York Times, que teve acesso a uma gravação da reunião.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.