Apoiadores de ACM Neto se assustam com grande popularidade de Bolsonaro em visita ao sul da Bahia e repensam estratégias

Bolsonaro visita Bahia para assinar parceria para construção de trecho de  ferrovia | Bahia | G1

A visita do presidente Bolsonaro ao município de Itamaraju na Bahia deixou políticos que articulam a campanha de ACM Neto preocupados. Bolsonaro e o ministro João Roma, especulado como pré-candidato ao governo da Bahia, foram recebidos por milhares de pessoas que aplaudiam e chamavam o presidente de “mito”. Bolsonaro e Roma foram acompanhados por uma multidão até a local de operações da defesa civil na cidade.

Deputados estaduais e vereadores de Salvador, que articulam a campanha de ACM Neto ao governo, decidiram que uma reunião deve ser feita nas próximas semanas para repensar estratégias para o pré-candidato aumentar sua popularidade, principalmente no sul do estado, como também trazer Roma definitivamente para “perto do plano de Neto”.

Conforme informações, Roma começou a ser enxergado com diferentes olhos pela base netista. Alguns nomes ainda veem chance do ministro de Bolsonaro vir candidato ao senado na mesma chapa de ACM Neto. Essa seria a montagem dos sonhos para Neto e aliados, já que Roma traria a força e a popularidade de Bolsonaro para a campanha de Neto e o quadro deixaria o jogo polarizado entre Neto e Wagner.

João Roma tem confidenciado aos amigos que tem 90% de chance de disputar o governo. Fontes próximas ao ministro garantem que “tudo é possível”, até mesmo um “cessar-fogo”.

O presidente visitou a cidade na manha deste domingo (12), para acompanhar as operações da defesa civil. Em Itamaraju e outras cidades próximas estão em situação de emergência devido fortes chuvas que causaram estragos e deixaram milhares de cidadãos desabrigados. 

Compartilhe:

Deixe um comentário